Ano novo chinês do tigre 2010

Xin Nian Kuai Le!!
Feliz ano novo chinês para todos!!

Neste dia 14 de fevereiro se inicia mais um novo ano chinês.
O ano novo chinês sempre começa em um dia diferente em relação ao calendário adotado mundialmente, pois ao invés de seguir os ciclos solares, ele se baseia nos ciclos lunares para fazer a marcação de tempo. Justamente por essa razão, o ano novo chinês também é chamado de ano lunar.

Cada ciclo é em homenagem a um dos 12 animal do zodíaco chinês, este é o ano do Tigre. Ironia do destino, neste dia também é celebrado o carnaval e o Valentine’s day (o dia dos namorados mundial). O que esperar deste ano?

Se o ano espelha o seu animal símbolo, podemos esperar um ano cheio de fortes emoções e com a grandiosidade do símbolo que o Tigre representa para a cultura chinesa. Será um ano de muita impulsividade e velocidade. Isso significa que vai ser um bom ano?

Segundo a alguns sites, vai ser um péssimo ano para se casar… Que os chineses acreditam que o casal pode passar por uma serie de dificuldade terríveis que prefiro não mencionar neste site, mas se estiver com curiosidade de saber, os links estão no final Continue reading

Pelmeni – o guioza siberiano

cozinha oriental

Depois de ler o artigo da Stellapok sobre o guioza em diferentes cultura (japonesa, chinesa e coreana), encontrei mais uma variação de guioza, mandu ou jiaozi! A iguaria se chama Pelmeni, um prato típico da culinária russa.

Ironicamente, encontrei esse prato e sua interligação como o guioza, lendo um mangá chamado “Nodame Cantabile”, na qual um estudante chinês se delicia com o quitute, falando como os guiozas siberianos são gostosos! Para em seguida, ser corrigido por sua amiga e cozinheira russa, reclamando que não são guiozas, mas na verdade pelmenis!

Instigado pela curiosidade, comecei a pesquisar sobre este prato. Infelizmente no Brasil ou em Portugal, a culinária russa não é muito Continue reading

espetáculo – Las 4 estaciones porteñas

Eventos orientais - matsuri, festas japonesas, chinesas, coreana

“Las Cuatro Estaciones Porteñas” de  Astor Piazzolla
Piazzolla, Taiko, Flamenco e Mímica em “mágica harmonia”

Textos e imagens de divulgação do evento
por: Assessoria de imprensa do evento

piazzollaBrasil é um país multirracial, e frequentemente São Paulo homenageia suas diferentes culturas com  espetáculos e exibições.  Em breve,  teremos um grande evento  artístico que, de forma sucessiva, prestará  tributo a essas artes diversas.

O musical  “Las 4 Estaciones Porteñas”  liga Astor Piazzolla, o maior compositor de tango da 2ª metade do século XX, ao Taiko,a  Dança Flamenca,ao  Balé Clássico e à Mímica.

Como elementos tão diferentes poderiam ir juntos ao palco?

O diretor e criador do musical , Iván Serra, responde: “é possível sim, um colóquio fantástico, uma integração inédita, harmônica, e até plástica em toda arte excelsa”.  E da Mímica, observa que a inclusão é uma homenagem a “arte primeira”, como ela é conhecida.

O argumento  revisitará   as quatro estações do ano, que ,na visão do diretor “expressam o ciclo da vida, com suas transformações, seus êxtases e suas tristezas”.

Grandes nomes embarcarão  numa viagem através dessas emoções, inspirados Continue reading